O Monte Olympus

Sendo os romanos, originalmente, uma tribo bárbara, mais interessada em conquistas bélicas do que em cosmogonia, quando tais bárbaros se lançaram em suas campanhas militares, conquistando um imenso império, que ficou conhecido como “O Grande Império Romano”, terminaram por adotar crenças e costumes de um de seus conquistados - Os gregos. A civilização grega foi o berço da filosofia, das artes e de vários ramos da ciência, tais como a matemática, a astronomia, a medicina e muitos outros.

Assim, as mitologias grega e romana adotavam os mesmos Deuses, com as mesmas funções, porém com nomes diferentes. Não é nosso propósito discorrer, aqui, em grandes detalhes, sobre este assunto, porém, para uma melhor compreensão de nosso tema, listamos à seguir, um breve resumo das principais Divindades do Olympus e das funções que, tais Divindades, desempenhavam como Deuses reinantes sobre os mortais.

Os  Deuses  do Olympus

Os Romanos

Os Gregos

Na mitologia Greco-romana, as almas dos mortos eram levadas ao Hades, governado pelo Deus do mesmo nome – Hades. O Hades era reservado às almas daqueles que não mereciam nem castigos nem recompensas.

O Hades

Para chegarem ao Hades, as almas deveriam atravessar o rio Estige e, para tal, tinham que pagar por sua travessia ao barqueiro Caronte. Por esta razão, era costume colocarem moedas na boca dos mortos, a fim de que pudessem pagar Caronte pela travessia de suas almas.

O Barqueiro Caronte

Após cruzarem o rio, cada alma era designada, para o seu devido lar eterno, por um dos três juízes: Éaco, Minos ou Radamanto.

Éaco, Minos ou Radamanto

As almas culpadas de delitos graves eram enviadas ao Tártaro, onde seriam eternamente atormentadas pelas Erínias ou Fúrias.

O Tártaro

Orestes perseguido pelas Fúrias

Obra de Adolph William Bouguereau, 1862

Já as almas dos virtuosos, eram enviadas aos Campos Elísios, onde passariam a eternidade passeando, alegremente, por belos jardins, entre sábios e filósofos.

Os Campos Elísios

Segundo a mitologia greco-romana, nenhum mortal, por mais virtuoso que fosse, jamais trilharia o Caminho Sagrado que conduzia ao Olympus, pois a Morada Celestial era reservada exclusivamente aos Deuses. 

Os Campos Elísios

TOP